domingo, 29 de maio de 2011

Afinal onde estou!
















Quando o despertar abrupto acontece sem o som de um despertador…



Algo está mal, corpo dorido, olheiras acentuadas, cabeça tonta algo tem que estar muito mal!



Após uns momentos de concentração chega a realidade, o despertar aconteceu no meio urbano, quatro paredes com uma abertura que deixa entrar alguma luz, mas pela qual também entra um som abrupto.



Após um pequeno chega para lá na cortina consegue-se ver o mar, um cargueiro lá ao longe e um cheiro diferente do que estou habituado.



Uma máquina limpa a rua e reproduz o tal som agudo que me tinha despertado, a vista além do mar não é muito acolhedora, cimento empoleirado em aço a uma altura fora do vulgar, o meu campo de visão estava um pouco acima do vulgar, as copas das poucas árvores estavam bastante abaixo do meu campo de visão.



Algo de muito errado se estava a passar, o mar sem areia, demasiadas construções para o meu gosto, uma piscina no topo de uma delas, no entanto uma luz se depara ao fundo do túnel, o pico de uma montanha, um castelo, um palácio, Sintra a poucas léguas, uma brisa com cheiro a maresia, em fim nem tudo está perdido, apesar de tudo também nesta terra há esperança…

sábado, 28 de maio de 2011

"1º" AVISO!!!








Não é uma simples ameaça!



É uma constatação, um aviso se quiserem!



Ou se começam a portar em ordem ou eu apresento-vos ao "GARGANTA FUNDA".



Não volto a avisar.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Corrupção, com os dias contados!




Eles são tantos, tantos e de tal maneira mafiosos que…


Um, certo político ex dirigente de futebol, dizia quantos são, quantos são…


Eu afirmo; São muitos, muitos, incontáveis.


Eles os políticos, os policias, os banqueiros, os juízes, os dirigentes associativos, os padres, bispos e cardeais, enfim, é velos a meter a mão em todo que mexe, os gatunos esses agora é à lei da bomba, ninguém se sente seguro, ninguém sabe a quem recorrer.


Se a opção for fazer queixa na esquadra mais próxima, corremos o risco de estar a informar os cabecilhas dos Ganges, uma tragédia é o que é…


Os senhores da troika roubam-nos tipo dona branca, e ainda se fazem de difíceis, só para enganar o “ZÉ PAROLO”.


Se não podemos confiar em ninguém, deixo aqui uma alternativa, afinal pelos vistos estes tipos já têm escritório por aqui.


“INTERPOL” é a solução!




sexta-feira, 20 de maio de 2011

Telhados de vidro!!!!

Quem tem telhados de vidro não deve atirar pedras.



Foi algo que apreendi em miúdo, no entanto nem toda a gente tem noção desta realidade.



Ouvi com alguma atenção a entrevista que o Dr. Amândio Madaleno concedeu à antena “1”, a certa altura da entrevista conduzida por Maria flor Pedroso dei conta que este referido Sr. foi colega de Universidade (Católica) do Sr. deputado e candidato a primeiro-ministro Dr. Paulo Portas, além de outros Srs. políticos da nossa praça.



O caso deste Sr. Dr. Portas é no entanto o mais grave, foi este Sr. que passou horas a implicar com o Primeiro-ministro por este ter uma licenciatura um pouco obscura, não tenho perfeita noção da realidade, como esta licenciatura foi obtida, talvez tenha havido alguma fraude.



No caso do Sr. Dr. Portas a realidade é bem diferente, (para pior claro) é verdade que o dito Dr. Estava inscrito na universidade, mas nenhum colega de turma lhe pôs os olhos em cima, ninguém o conhece nem ele aos seus companheiros.



Pergunto eu quem foi o mais fraudulento afinal? O que teve que estudar num curso manhoso mas estudou ou o que esteve inscrito na Universidade e não apareceu sequer para se dar a conhecer a professores e colegas de turma?



http://www.rtp.pt/antena1/?t=Entrevista-a-Amandio-Madaleno.rtp&article=3687&visual=11&tm=16&headline=13

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Natureza viva.

Mais um riacho de águas límpidas, mais uma ponte bem interessante escondida no meio de nada…



A arte e natureza juntas, fazem as delícias de qualquer um.




video

domingo, 15 de maio de 2011

Porque não!!!!






Perto do fim da tarde, bem passada pelas brasas, na companhia de uma “verde”fresquinho…




sexta-feira, 13 de maio de 2011

Tão inocentes!

É mentira!


É entira!


É ntira!


É tira!


É ira!


É ra!


É a!


Pois é mais uma vez a acusar as nossas forças de segurança, todos sabemos que é uma barbaridade.


Uma acusação sem o mínimo fundamento, é praticamente impossível haver nas nossas tão leais forças de segurança corruptos e quando falo assim sou capaz de ir a “Meca” só para provar a minha crença nesta gente!


Todos sabemos que ganham pouco, todos sabemos que as suas habitações são autênticos casebres de ciganos, as casas de férias nos “Algarves” são utopias das más-línguas, os carros topos de gama, motos, barcos, os filhos nas universidades … Enfim são invenções ou sonhos de muitos trabalhadores desesperados…


Afinal todos sabemos que os gatunos são todos controlados, que nas cadeias não entram drogas, que as coimas de trânsito são pagas ao estado nunca pagas pela metade ao agente.


Enfim sabemos perfeitamente que nos estádios não entram tacos de basebol nem artigos pirotécnicos ou bolas de golfe…


É verdade que lá de longe a longe há uma ou outra falha como é normal, afinal os agentes da autoridade são humanos, mas como sabemos são casos esporádicos, aquelas acusações de que os presos fogem são as algemas que não prestam para coisa nenhuma, made in china possivelmente.


A fábrica de lanchas rápidas que foi fechada em Valença estava tão dissimulada que era impossível as autoridades darem conta que trabalhavam exclusivamente para os traficantes, afinal de quando em vez vinha um barquito para a malta da segurança, ofertas simples para quem está habituado a pouco…


Meus caros chegou a hora de o povo organizar uma greve em favor dos quatro detidos, eles nem são corruptos, traficantes, ladrões… são apenas “Inocentes” agentes ou chefes na polícia.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Nunca mais lá chegamos!




Em semana Europeia todos temos o direito (dever) de reflectir, bem sei que muitos de nós deixam que sejam os políticos a tomar as decisões!


É verdade que pouco ou nada podemos fazer para mudar o curso dos acontecimentos, no entanto se ficarmos impávidos e serenos no nosso canto nunca contribuiremos para uma possível mudança!


Tenho vindo a reflectir até que ponto foi generosa a nossa entrada na Comunidade Europeia, isto porque sempre fomos o patinho feio, pagam-nos para não granjearmos os terrenos férteis, e nós gastamos o mesmo dinheiro ou um pouco mais para comprarmos mantimentos, pagam-nos para destruir a frota pesqueira, nós de seguida compramos o peixe e lá vai barão fica toda a massa do lado de lá…


Não temos alternativas, quando já não temos dinheiro para compras, eles emprestam, mas a uma taxa de juro incomportável, eles sabem disso, no entanto preferem uma Europa a duas/três velocidades, dá jeito que o pobre seja sempre pobre.


Um destes dias dei conta de outro problema, problema que nos vai deixar sempre na cauda de Europa, trata-se dos rios.


Incrédulos!


Passo a explicar; apanhei a imagem que expus por mera casualidade no entanto ela demonstra bem as diferenças entre nós e a Europa.


São dois rios, o Português, corre límpido e sereno, com excepção de um fim-de-semana mais atribulado, (fim de semana de festival no tabuão, chegam os betinhos da cidade e da Galiza, insistem em fazer regatas com as latas de conservas vazias, talvez para fazer concorrência aos estaleiros de Viana do Castelo, outros no intervalo dos concertos fazem concorrência ao Paulo Portas, inventam submarinos com garrafas de wisky barato, "claro vazias."


O suor dos corpos e o resultado do vómito também não ajudam,) mas, é só um fim-de-semana, o resto do ano o Coura corre límpido e cristalino.


O problema é que alem fronteira os rios correm, não com água cristalina mas com leite, mais uma vez a natureza foi injusta connosco, é impossível competir com desigualdades como esta.


Vamos ser sempre pobres…

segunda-feira, 9 de maio de 2011

EM CERTOS DIAS SÓ ME APETECE…






Chamar "rio" a alguns indevidos!

sábado, 7 de maio de 2011

TEORIAS DO OITO E DO OITENTA!

Uma semana diferente!



Ainda que alguns factos sejam só fumo sem fogo, com situações que quase todos suspeitam mas não têm coragem de delatar, ficam só a ver no que dá.



Foi como referi um pequeno período recheado de factos surpreendentes.



Passo a referir os “políticos” Portugueses, gente estúpida e sem escrúpulos, sem o menor respeito pelo cidadão comum, aquele que paga impostos…



Estes referidos Srs. resolveram desbaratar o nosso dinheiro sem mais nem para quê, por simples birra ou prazer.



Ao não aceitarem o “pec” 4 e derrubar o governo eleito pelo povo estes políticos de meia tigela provocaram a necessidade de um pedido de ajuda ás instancias europeias, nada de anormal se as medidas destes manhosos Europeus fossem muito diferentes do que já estava programado no tal “pec 4”.



Ou seja estes políticos ou pretendentes a tal (o povo não deve ser tão cego) a única coisa "única" que pretenderam foi derrubar o governo, isto para não desperdiçarem quiçá a única oportunidade de chegarem ao governo da Nação. (uma só palavra “ganância”)



De seguida despertamos com notícias internacionais, “morreu um tal de Bin Ladem”!



Será?



Sou como Tomé (quero ver para crer) simplesmente não acredito nestes Americanos, (democratas da treta) acho estranha a caçada, a morte e o desaparecimento do corpo do terrorista.



Não me esqueço que são os mesmos que condenaram e executaram a morte de “Sadam” e fizeram questão de programar e transmitir em directo a execução.



No mínimo estranho, tão estranho, tão estranho como o tempo que uma polícia tão avançada (cia) levou para encontrar um só homem!



Será que este alguma vez existiu? Não seria este mais uma lenda de ficção?



A ânsia de poder sempre levou esta tribo do norte Americano a fazer o que lhes dá na gana, quando há a possibilidade de alguma venda de armas ou quando estas estão a ficar fora de prazo ou obsoletas logo arranjam um inimigo e fazem uma guerra. (é toda uma industria que está em causa)



Se houver dinheiro diamantes ou petróleo pelo meio quanto melhor, foi assim no Vietname, já tinha sido assim na segunda guerra mundial (que necessidade tiveram para deflagrar a segunda bomba atómica?) (nenhuma afirmo eu com a excepção de humilhar.) uma questão de afirmação lá vai mais uma.



No Iraque foi a mesma coisa o mesmo disparate, (armas nucleares afirmaram eles, com a colaboração de um ignorante Português) onde estavam elas afinal?



Tenho as minhas dúvidas se não foram eles próprios que derrubaram as torres gémeas, é só uma suposição minha, unicamente para terem argumentos.



Nunca acreditei na chegada deles à lua (estranho nunca mais lá voltaram) suou a falso tal como não acredito no bom senso de um regime que não assina os acordos (Quioto, Copenhaga…) num regime que ainda não foi capaz de abolir a pena de morte em alguns estados, (quantos condenados inocentes já mataram?



Já chega, fica só mais uma achega nacional, seis milhões de almas tristes, pobre comercio este fim-de-semana, (de Jesus passou a Deus, de deus passou a judas) a crise agoniza o corpo às pessoas,” o orelhas” vai s agonizar-vos a alma, têm o que merecem!