terça-feira, 5 de outubro de 2010

Feriado!! "100 anos de duvidas!"

video

Um momento cultural, proporcionado pela banda marcial de Arnoso.

Ficamos com uma ponta de orgulho, pela adesão desta banda tal qual como a maioria das bandas do País, a sala esteve composta o concerto esteve à altura, valeu pelo momento cultural.

Para que não nos acusem de querer-mos os feriados para podermos dormir um pouco mais.

Ainda que eu não tenha bem a certeza sobre o que é melhor para nós Portugueses, se este regime atual se o anterior. Basta olharmos para o lado e verificar as atuais condições dos nossos vizinhos do lado oposto à nossa fronteira, serão nesta altura muito melhores que as nossas? Tenho as minhas duvidas.

(uma familia real não fica barata, mas um parlamento com tantas cadeiras, e pior que isso são as sicecivas mudanças nos seus utilizadores, e as reformas que pagamos quando saem, quanto costam?)

3 comentários:

  1. Mas para além da família real também têm parlamento. Quanto a substituir o custo de um presidente por o de uma família real(vitaliciamente)tenho dúvidas que saia mais barato.
    Quanto a Espanha estar melhor, eles não tiveram tantas sanguessugas e desgovernados como nós.Aqui foi servir clientelas partidárias à farta e sem nenhuma visão de futuro.
    Cuidado com mais barretes, agora, só faltava dizer que a monarquia é que seria bom, quando as presentes monarquias andam mais para cair do que para ficar.

    Bjos

    ResponderEliminar
  2. Como sou muito novo não me lembro dos tempos antes da republica. A informação disponivel tambem não é muita o que me leva a não valorizar muito este dia. No entanto á uma pergunta que me faço muitas vezes: Será que estamos melhor? É certo que todos os regimes vão caindo e aos anteriores vão surgindo novas formas de governar. Será que estamos a viver neste momento uma mudança? Será que perante o fracaço da democracia tal como a conhecemos irá surgir ums nova forma de poder, onde não existem lobies e sanguesugas que ao ocuparem a cadeira do poder mais não fazem que olhar pelos seus interesses. A ver vamos.

    ResponderEliminar
  3. Não me vou pronunciar sobre qual o melhor modelo de representatividade institucional. Ambos têm vantagens e desvantagens.
    Só gostaria de deixar aqui uma pergunta que não é para responder, apenas para meditar.
    Quantos governos teve Portugal desde o 25 de Abril e quantos teve Espanha no mesmo periodo?
    A diferença não está apenas no numero de eleições, está sim na forma como cada governo viu as politicas do anterior. Em Espanha, as medidas extruturantes foram sempre "aperfilhadas" pelos governos subsequentes, em Portugal, cada governo pura e simplesmente fazia tabua rasa de tudo o que vinha de trás. Do bom e do mau. Comparem a rede viária dos dois Paises. a diferença é abissal. Tão abissal como a taxa de desemprego, que chega aos 20% do outro lado da fronteira! Mas como é que com 20% de desempregados os Espanhois conseguem gerar Valor e ter um PIB substancialmente superior ao nosso? Produtividade! Mas a productividade começa nos politicos e acaba em casa. Em Portugal é exactamente o inverso.

    E depois admiram-se que as empresas de nuestros hermanos, estejam a "invadir" o território de Afonso Henriques ... talvez nos venham ensinar algo! Quem sabe?

    ResponderEliminar